Tag: interior design

Halloween

Mais um ano, mais um motivo para jantar, para decorar a preceito e confesso que quase que já gosto do tema!

O ano passado fiz uma mesa de base cinza, assustadoramente preta e dourada. Aranhas, caveiras, e até a abóbora, depois de usar todo o meu poder de persuasão, ficou dourada. Convidei a Coco Chanel e alguns amigos para jantar e com o stress esqueci-me de tirar fotos de pormenor para fazer um post este ano. Restam estas, de péssima qualidade!

12184323_10153832999314683_153736194907578784_o

10989138_1219169118098833_7879561553821608723_o
Este ano a base vai ser branca, e como não tenho tempo, nem quero ficar intoxicada como no ano passado, os bichos vão continuar dourados. Ficam as mesas que me estão a servir de inspiração… mesmo que depois não faça nada disto!

 

smpliving

sweetlychicevents                  2

fashionablehostess                  3

legrandcourtage                  4

lux113                  5

tomkatstudio                  6

theorganizedwife                  7

Credits Fotográficos: Fotos retiradas do Instagram – 1 smpliving; 2 sweetlychicevents; 3 fashionable hostess; 4 legrandcourtage; 5 lux113; 6 tomkatstudio; 7 theorganizedwife

 

Praias Organizadas Please!

Chegar da Grécia e ir para as praia da linha é mesmo o fim da linha!

Portugal tem das costas mais bonitas do mundo, praias de meter inveja a qualquer um, e nos últimos anos até evoluímos bastante, mas no que diz respeito a acessos e organização temos de admitir que ainda temos muito para aprender com os Gregos. Três horas para chegar à Costa para ficar numas espreguiçadeiras de plástico é de loucos! (sim, foram mesmo 3h de viagem!). Na linha há uma fila mínima de espreguiçadeiras por baixo da Capricciosa, um cantinho com camas no Guincho, do lado oposto ao bar da praia, e pouco mais. A Comporta começa a organizar-se, mas não é mesmo aqui ao lado para se ir dois dias seguidos sem ter de ficar a passar o fim de semana, principalmente para quem gosta de dormir até tarde ao fim de semana e ir directo para a praia.

Não é que as praias gregas não estejam cheias como as nossa, não é que não esteja tudo em cima uns dos outros a ouvir a conversa do lado, mas o facto de o fazerem de forma organizada, com colchões de 15cm a 25cm de altura colocados em cima de espreguiçadeiras de madeira, faz toda a diferença. Os bares de praia são top e o serviço é excelente em todas elas. Em Pinky Beach chega ao ponto de haver um botão fixo ao pau da palhota para chamar os empregados.

Não acho que se devam organizar todas as praias portuguesas, até porque a beleza de muitas delas é o facto de serem selvagens, mas as mais frequentadas, e principalmente as da linha já mereciam outra decoração.

super-paradise-of-mykonos

Nammosr, Psarou beach, Mykonos, Greece 3

mykonos-nammos-2

platis-beach

mp1

pinky-beach

pinky-beach-mykonos

slide-1

namos-5

IMG_2433

mykonos-best-hotels-santa-marina-private-beach

Monarch-beach

Namos

Não é bem mais simpático que a nossa praia de Carcavelos, que com um areal imenso está cheia de chapéus de sol, de todas as marcas de gelados e cafés, e os apoios são quase zero?!?

783593

Dizem que em outubro começam as obras das estradas de acesso à Costa, que a nível de decoração felizmente está a evoluir bastante… a ver se alguém lá para os lados da linha se inspira e, além de parques de estacionamento, organiza as praias.

 

 

Dispensas Para a Roupa

A propósito de arrumação, e da possibilidade de criar um closet para colocar tudo o que uma família precisa guardar, uma cliente respondeu-me: “mas eu nem tenho roupas bonitas, nem sapatos de salto alto para expor num closet”, achei a resposta simplesmente deliciosa e sorri antes de desmitificar a ideia “closet é só para roupas de luxo”!

É um facto que os closets estão associados a casas grandes, onde regra geral as proprietárias têm muita roupa, (e toda fabulosa), sapatos que parecem esculturas e acessórios de fazer inveja a qualquer uma das Kardashion, mas a verdade é que um closet é uma necessidade de arrumação como outra qualquer. Um closet é exactamente igual a uma dispensa, só que em vez de guardar farinha guarda roupa.
Se ninguém dispensa uma dispensa porque não compra farinha bonita e de marca, porque é que havemos de dispensar um closet por não ter roupa de marca, ou pior, por nos sentimos de alguma forma fúteis se o fizermos?!? Ter uma colecção de vestidos Prada não é nenhum requisito para ter um closet, (e ainda bem que se fosse teria de me desfazer do meu!). Ter roupa, sapatos e acessórios, nossos, do nosso marido, e dos nossos filhos, é! E não digam que não têm roupa gira que isso não acredito. Nunca na vida vi alguém comprar roupa que achasse feia.  A questão é muito simples. Muita ou pouca, da Zara, da Primark, ou da feira a nossa roupa tem de ser arrumada algures em casa, se tivemos espaço para isso, porque não ter tudo muito bem organizado num closet que nos facilita tanto a vida no dia a dia?!?

Ficam algumas sugestões de dispensas para guardar a roupa…

Simples e despretensioso, todo IKEA para desmistificar a ideia de que os closets têm um investimento gigante.

 

Fechados são igualmente práticos ,as peças não apanham pó… e dá para esconder a roupa feia! 🙂

Ainda assim é sempre importante lembrar que há prioridades. Precisar de espaço para arrumar a roupa da família é uma necessidade, o que não significa que possam pôr as crianças a dormir na marquise com a desculpa que precisam do quarto delas para arrumação! 😉

Mesas de Páscoa de Última Hora

…ou em cima do joelho que afinal de contas é do que se trata! 

A semana foi uma correria, acabar o trabalho antes de tempo para conseguir ir de mini férias, fazer malas, malas dos miúdos, dominar os miúdos, e chegou finalmente a páscoa, domingo há almoço de família queremos uma mesa de sonho, não pensámos nisso a tempo e o mundo vai acabar! Mentira! É Páscoa o mundo renasce não acaba. Ainda vão muito a tempo de fazer uma mesa bonita com a “prata da casa” e alguns elementos extra.

Quem deixou para a última e vive na cidade está cheio de sorte, basta passar no quiosque mais próximo comprar a revista VIP desta semana, ver as duas opções de mesas de páscoa que sugiro, ir a correr comprar as gaiolas ou os coelhos com colares de flores e amanhã tem em casa uma mesa de revista. 
Sneak pic…   

 Quem está fora, ou já só tem tempo de ir ao supermercado descanse que há soluções muito doces. Os centros de mesa fazem-se com coelhos de chocolate, que nesta altura há aos milhares por todo o lado, ovos em cru ou pintados, de preferência cozidos para não perder muito tempo a retirar o interior, flores que também se encontra no supermercado e no final, quando lhes dissermos que têm de comer a decoração, os miúdos ainda agradecem!                           

Agora que a vossa mesa ficou pronta tirem uma foto e enviem-me para eu fazer um post das melhores mesas de páscoa de última hora! 

Golegã

Este fim de semana terminou mais uma feira do cavalo na Golegã. Uma semana fantástica dedicada aos cavalos, com muita festa e animação. Se na Golegã a feira termina e temos de esperar um ano para viver novamente a festa, nos interiores a festa pode manter-se o ano inteiro. 

Muitas outras fazem alusão ao tema mas Hermès e Ralph Laurent são sem dúvida as marcas que se destacam no mundo dos interiores ligamos ao hipismo, com tecidos e acessórios com pormenores deliciosos que apetecem mesmo.

   
    
    
    
    
 

15 anos Tendências CIN

Há 15 anos atrás, exactamente quando comecei a trabalhar, a CIN deu mais um passo em frente e criou As Tendências de Cor CIN, ao lançar colecções anuais de cor segundo as tendências de decoração, arquitectura, moda e design.
Para celebrar a data a CIN criou um catálogo especial com 15 cores deliciosas que me esta a apetecer usar já hoje, e me vai obrigar a fazer algumas alterações nos projectos em curso, no ateliê e até cá em casa! 

Assim sendo, a parede da cabeceira do quarto das visitas vai passar a ser Perfect Grey, o tecto da sala de estar vai ser Just Mauve, o ateliê todo Deep Taupe, os projectos de clientes vão passar a ter o Chalk White como base, e a Filipa ainda não sabe mas vai ter uma parede Green Marble. 

Nada como uma boa tinta para manter os espaços segundo as tendências num piscar de olhos!

   
    
    
    
    
    
    
    
    
 

Halloween!

Chegada esta altura do ano, enquanto já só penso em Golegã, parte dos portugueses andam loucos para celebrar mais uma importação americana. 

Como já confessei no primeiro post sobre Halloween, não sou fã, mas todos os motivos são válidos para celebrar e aproveito sempre a ocasião para fazer um jantar temático, que jantares temáticos, mesmo assustadores, fazem as minhas delícias!

Há uma tendência natural para criar ambientes infantis ou medonhos, que é diferente de assustadores, o que torna complicado conseguir inspirações. Esta é possivelmente a época em que mais me esforço para encontrar imagens que sirvam de inspiração para uma decoração em bom. Cada vez é mais difícil encontrar ambientes de Halloween com alguma sofisticação, mas não desisto e recuso-me a colocar fotos repetidas. 

   
    
   

Ilustrações na Decoração!

Uma das coisas que acho a maior das graças são ilustrações. Gosto da forma feminina que lhes é conferida e como brilham emolduradas nos espaços. Cada vez sigo mais ilustradores de moda e cada vez me apetece mais usar as suas ilustrações. Enquadram-se perfeitamente na decoração de quartos, closets, halls e até em salas de estar. Brilham sem ofuscar e dão aquele toque especial que não deixa ninguém indiferente! 

   
    
    
    
   

   
 

Must Love illustration… :)))

Varandas!!! 

Como costumo dizer nos meus workshop de decoração, as casas não terminam nas paredes para o exterior, as casas terminam quando não podemos dar mais um passo sem cair da varanda, ou quando encontramos o muro que dá por terminado o nosso terreno. Infelizmente, habituados a ter sol o ano inteiro, a maioria dos portugueses não dá valor nem aproveita as varandas, os terraços, nem os jardins. Um estudo de mercado concluiu que mais de 60% dos portugueses utilizam as varandas para colocar o estendal da roupa, o que para mim, que ao mudar de casa fiquei sem o meu terraço, é um acto criminoso!!! É óbvio que a roupa precisa secar em algum lado, mas não é muito mais agradável aproveitar estes espaços para relaxar?!?

  
  
  

Velas na Decoração! 

O meu sonho era ter uma casa com lareira, piscina (que não tivesse de ser eu a limpar!) e um jardim, protegido de olhares alheios, no centro de Lisboa. Lembro-me de passar no agora Palácio Sotto Maior e pensar, “aqui é que era!”, mas por enquanto o mais perto que consegui foi uma super casa de bonecas com um terraço fantástico, que ainda hoje lamento ter trocado por uma mansão sem terraço, mas com um closet, que na vida tudo tem um lado bom! 

No que diz respeito à piscina não há nada a fazer, mas a lareira substituo por velas, não dão o mesmo calor físico mas o emocional é igual, aquecem a alma, criam ambientes acolhedores e a nível decorativo fazem milagres.